Atendimento ao cliente

11 2894-9991 / 2894-9992

leac@leaclab.com.br

O Hormônio Anti-Mülleriano:

A eficiência reprodutiva pode ser considerada uma das mais importantes características econômicas da pecuária.

Rebanhos bovinos que detem elevada precocidade sexual e alta fertilidade, possuem maiores índices de produção, permitindo maior intensidade seletiva e conseqüentemente, um melhoramento genético mais eficiente com maior lucratividade.

Com o Kit AMH Bovino,consegue-se obter informações adicionais do rebanho através da dosagem plasmática do Hormônio Anti-Mülleriano (AMH) e seus efeitos tanto na produção de embriões como na seleção de precocidade sexual dos bovinos.

Por ser um excelente marcador endócrino, esta nova técnica torna-se uma eficiente ferramenta nas avaliações genéticas comerciais dos rebanhos bovinos.

Nas Fêmeas é um importante marcador endócrino para reserva folicular ovariana.

Nos Machos é um importante marcador endócrino para precocidade sexual.
 

Seleção Precoce de doadoras de oócitos

Através da correlação que o AMH tem com a população folicular ovariana (PFO), determina-se a capacidade de bezerras  de 2 a 4 meses em se tornarem boas doadora de oócitos.

Através desta seleção, permite-se selecionar precocemente as futuras doadoras de oócitos do rebanho, ou seja, selecionar bezerras precocemente para iniciar no programa de aspiração folicular por laparoscopia.
 

Seleção de precocidade sexual de bezerros machos

Através da correlação inversa que o AMH tem com a quantidade de testosterona e circunferência escrotal,  é possível classificar bezerros quanto a sua precocidade sexual e classifica-los em categorias distintas como tardios, precoce e superprecoces

LEAC REALIZA DOSAGEM DE AMH - MARCADOR ENDÓCRINO DA FERTILIDADE BOVINA

Consulte-nos para valores do teste.